RSS

Arquivo da tag: F1

Ayrton – o herói revelado

Comecei a ler esse livro uma vez de uma biblioteca, mas não deu muito certo porque ele era muito grande, e a biblioteca em questão não tinha renovação on-line. Então recomecei a leitura depois que consegui comprar a edição de bolso com texto integral por R$ 29,90. Foi um bom preço porque a edição normal tem o tamanho grande e o preço deve ser mais salgado.

Ao terminar de ler “Ayrton – o herói revelado”, pude entender porque o autor usou o nome Ayrton e não Senna. Ele traz ao nosso conhecimento um Ayrton além dos holofotes, uma pessoa muito fiel à família e aos amigos.

O livro inteiro foi feito baseado em muitas (muitas mesmo) entrevistas feitas com as pessoas que fizeram parte da vida do Senna, incluindo o Galvão Bueno e o Reginaldo Leme que eram amigos muito próximos.

A história é contada de forma cronológica, mas também com comentários recentes sobre o respectivo assunto, desde os tempos das brincadeiras de Kart que o levaram a competir no campeonato mundial, categoria que ele não foi campeão. Depois ele passou para Fórmula Ford inglesa, Fórmula 3 e finalmente a Fórmula 1, onde correu por 11 temporadas, de 1984 até 1994.

Em sua trajetória pela Fórmula 1 Ayrton sofreu muito pela sua alta competitividade, ele iniciou em 1984 na fraca equipe Toleman onde praticamente levava o carro “no braço”. Ele conseguiu resultados nunca esperados pela equipe, como um segundo lugar no GP de Mônaco.

No seu segundo ano, depois de alguns bons resultados no ano anterior, Senna foi para a Lotus onde ficou por 3 temporadas e conquistou suas primeiras vitórias. Senna se tornou um fenômeno e foi para a grande Mclaren em 1988, ficou por 6 temporadas e ganhou os seus 3 títulos mundiais. Em 1994 foi para a Williams, seu grande objetivo, mas correu apenas 3 GPs.

Além de descrever toda a sua vida nas corridas, o autor também mostra o que Ayrton fazia fora das pistas, seus relacionamentos, seu casamento rápido no início da carreira, a politicagem na Fórmula 1 e muito mais.

Senna e Xuxa

O livro tem uma leitura muito agradável e detalhada, ótima para os apaixonados pela Fórmula 1, mostrando coisas que vão além das transmissões. Recomendo!

 
4 Comentários

Publicado por em 20/01/2011 em O que estou lendo

 

Tags: , ,

Fórmula 1

No último fim de semana ocorreu o GP da Malásia da temporada 2010 da F1. Eu sempre acompanho quando é possível, mas para a minha infelicidade a corrida ocorreu exatamente na manhã de domingo em que eu estava dentro do ônibus vindo para Natal, uma pena. Mas há males que vêm para o bem, meu amigo Júlio César, também um grande fã da categoria nos sugeriu um forum da Austrália, chamado DarcyF1, em que são postados várias informações e vídeos da F1, inclusive o vídeo da corrida na íntegra. Baixamos a corrida para assistirmos, mesmo já sabendo do resultado final ainda valeu a pena.

A corrida que baixamos era da transmissão do canal BBC Sport que é muito muito  boa, claro que os narradores falam em um inglês muito rápido, mas a transmissão de forma geral é ótima. Sem querer falar mal da Globo mas já falando quem acompanha as transmissões da F1 sabem do que estou falando. Começando pela narração que fica a cargo do Galvão Bueno que eu não acho de todo ruim, mas de vez em quando ele é chato. O Reginaldo Leme e sua grande experiência e memória, e o Luciano Burt com seus conhecimento técnicos salvam a transmissão. O meu ponto é a questão do tempo que a Globo reserva para a corrida que se resume apenas à corrida pura e seca.

Na BBC, assim como na Globo, eles começam a transmitir quando os carros estão no grid de largada ainda faltando uns 5 minutos para o início, mas a nossa emissora põe comerciais dos patrocinadores bem no meio. Depois no final da corrida, quando os carros chegam nos boxes a Globo sempre corta para os comerciais de novo e voltam para o pódio e depois pronto acabou!

O diferencial da BBC está no pós linha de chegada, eles mostram os pilotos vencedores saindo dos carros e indo para a sala de descanço sem nenhum intervalo no meio, pode ser pouco mas nesses momentos já ocorreram fatos inusitados como uma quase briga entre o Massa e o Alonso há uns 3 anos. E depois do pódio eles mostram a entrevista coletiva que sempre ocorre com os 3 primeiros colocados com a imprensa. Depois disso os narradores e comentaristas (piloto David Coulthard e Eddie Jordan) vão para o padock, comentam sobre a corrida e fazem algumas entrevistas, a da vez foi com o chefe da RBR. Em seguida eles fazem um resumo da corrida de alguns pilotos e entrevistam os mesmos. Ou seja um show e sem falar que a transmissão é em alta definição.

Já a Hispania-Cosworth, equipe do Bruno Senna, que vexame!!! Terminar com 4 voltas atrás do primeiro colocado…

Bruno Senna

Bruno Senna

 
1 comentário

Publicado por em 08/04/2010 em Geral

 

Tags: