RSS

O Hobbit, eu vi em 48 fps

19 dez

Muito tem se falado sobre a versão de O Hobbit em 48 fps. Para quem não sabe do que isso se trata, 48 fps significa que o filme roda em uma frequência de 48 imagens por segundo. O padrão normalmente utilizado no cinema é 24 imagens, o que significa que 48 fps proporciona uma imagem mais realista.

A imagem é marcante mesmo, na hora que aparece o logo da Warner Bros no início da exibição você já sente a diferença, mas claro que nem tudo é perfeito, em alguns pontos é perceptível que a cena parece estar acelerada, em outros momentos temos a impressão de que a imagem é CG, mas já imagens panorâmicas ficaram uma beleza. Ah, e não senti dor de cabeça ou incômodo algum com o 3D como andaram falando.

o_hobbit_13_anoes_poster

Dito isso vamos ao filme. Eu li algumas críticas nacionais e internacionais, teve quem falou bem e muito bem, e teve quem falou mal. Na minha opinião achei o filme ótimo. Penso que aqueles que falaram mal estavam esperando ver “O Senhor dos Anéis” (LOTR) de novo! Mas não é interessante ver o filme dessa forma, com esse tipo de expectativa, até porque “O Hobbit” traz uma uma história própria, que se passa 60 anos antes dos fatos ocorridos em LOTR. Achei injusto algumas críticas negativas que saíram por aí.

No filme, Gandalf vai partir em uma missão com um grupo de anões e está em busca do 14º membro para o grupo. Este último integrante é Bilbo Bolseiro, ainda gozando de sua juventude, e ávido por aventuras. Nesta missão, os anões querem retornar à sua terra natal que fora tomada por um dragão, anos atrás.

o_hobbit_todos

Nesta trajetória eles passarão por várias dificuldades, algumas emocionais, e o destino de muitos é traçado. Revemos mais alguns personagens conhecidos como Galadriel, Elrond, Saruman e Golum. Já os novos personagens, os anões, são muito carismáticos e nos apegamos logo a eles. Também tem uns meio exagerados como o mago castanho. Muitos falam que o livro foi feito para crianças, não tenho opinião sobre isso porque não o li, mas é fato que tem muito humor em muitas situações.

o-hobbit

Uma coisa interessante é que conseguimos identificar vários locais por onde os membros da sociedade do anel passaram, e ver situações que em LOTR foram apenas mencionadas.

the-hobbit-elrond

A música ficou maravilhosa, cada vez que vemos personagens já conhecidos a música tocada é a mesma que fora utilizada em LOTR, fica tudo bem familiar. A música tema do filme “Far Over the Misty Mountains Cold” é simplesmente linda, ela apareceu em um dos trailers, cantada pelos anões na casa do Bilbo. Ela é a base para a música incidental em várias cenas, é forte e marcante.

Bem, como eu disse antes, eu adorei, o início do filme na casa do Bilbo pode até ser bem arrastado, mas paciência, você não perde por esperar a jornada que está por vir.

O-hobbit-bilbo

 

Para quem gosta, segue os pôsteres  do filme com os anões. Até a próxima.

the hobbit oin the hobbit nori the hobbit kili the hobbit gloin the hobbit fili the hobbit bifur the hobbit bofur the hobbit bombur the hobbit dori the hobbit dwalin the hobbit balin the hobbit thorin the hobbit ori

Anúncios
 
1 comentário

Publicado por em 19/12/2012 em O que estou assistindo

 

Tags:

Uma resposta para “O Hobbit, eu vi em 48 fps

  1. italo mendes (@iradomendes)

    19/12/2012 at 8:59

    Só as imagens em 48 frames já pagam o filme, mas como o pacote inclui uma boa história, com muita ação vale mais do que a pena assistir no cinema.

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: