RSS

O Discurso do Rei

21 fev

Esse é o filme mais cotado para ganhar o Oscar 2011 de melhor filme, além de ter sido indicado para mais 11 categorias. Pessoalmente eu gostei muito mais de ‘A Rede Social’, seu maior rival para o próximo domingo, mas isso não quer dizer que eu não gostei de ‘O Discurso do Rei’, pelo contrário, o filme é ótimo.

O filme mostra o filho de George V, o rei da Inglaterra, em sua agonia contra uma gagueira crônica. Essa deficiência o impede de fazer discursos de qualquer natureza.

E agora?

Diante de várias tentativas frustradas de resolver esse problema, a esposa de George (o filho do rei) procura Lionel Logue, um homem simples que ajuda pessoas com problemas na fala. O relacionamento entre George (Colin Firth) e Lionel (Geoffrey Rush) inicialmente é difícil, mas com o passar de várias seções as coisas vão ficando melhores.

Com a morte de seu pai (George V), e a renúncia prematura de seu irmão mais velho, George torna-se o novo rei da Inglaterra em pleno período entre guerras. Esta é uma situação muito delicada para George VI, já que a comunicação e demonstração de segurança do soberano precisam ser bem expressadas. A partir daí, George e Lionel firmam uma parceria delicada na luta constante para amenizar o problema do rei.

Como eu disse antes, não acho que este seja o melhor filme para ganhar o Oscar, mas é inegável a qualidade do filme, sem falar o Colin Firth que consegue passar muito bem a agonia que ele sente em não conseguir falar em público, até mesmo fazer a leitura de um trecho de livro para um único ouvinte. Geoffrey Rush também está ótimo, ele consegue quebrar a barreira entre um nobre e um homem simples, ainda fazendo exigências!

O filme é um drama, mas com pitadas de comédia sem chegar a ser um humor negro, longe disso. Quem está acostumado a ver Helena Bonham Carter como a chata Belatriz de Harry Potter quase não a reconhece na pele da calma e compreensiva esposa do rei George VI, sempre presente na luta do seu marido. Ela está um amor de pessoa, quem diria!

Anúncios
 
4 Comentários

Publicado por em 21/02/2011 em O que estou assistindo

 

Tags: ,

4 Respostas para “O Discurso do Rei

  1. Edmilson

    21/02/2011 at 21:15

    excelente post. deu vontade de ver o filme.

     
  2. Ítalo

    23/02/2011 at 7:05

    Va-va-vale a pena ver o filme e as técnicas e exercícios feitos pelos doutor para tratar a gagueira. Eu também sou mais a rede social para ganhar o oscar, embora vai depender da postura da academia, se vai continuar conservadora escolhendo o Discurso do rei, ou se vai ser mais moderna premiando a Rede social.

     
  3. Sergio Henrique

    17/03/2011 at 12:18

    Muito bom esse filme, eu lembrei um pouco de Amadeus!! com a mistura de cenas simples com música clássica ao fundo, é bem legal o relacionamento dos personagens principais que as vezes tem um tom sério e uma pitada de humor, é difícil escolher o melhor o filme entre um drama, ficção e animação respectivamente falando de Discurso do Rei, A Origem, Toy Store 3, a Academia geralmente premia o mais sério, ou o mais politicamente correto, eu escolheria Toy Store 3, que tem humor, drama, ficção, romance, suspense em um mundo totalmente lúdico.

     
    • Simone

      17/03/2011 at 14:04

      Exatamente como você falou a Academia escolheu o filme mais sério, e Toy Story 3 sem dúvida nenhuma tinha todos os atributos de um filme vencedor.

       

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: