RSS

A Rede Social

07 dez

O filme

Tá aí um filme que excedeu as expectativas, depois da excêntrica primeira cena, pelo tom da música incidental dá para notar que vai ser tenso e a gente sente que o clima é pesado.

A Rede Social é baseado no livro Bilionários Por Acaso de Ben Mezrich, sobre a criação do Facebook. Uma história complicada que parte de impopularidade até processos por roubo de propriedade intelectual. Não li o livro, mas é um forte candidato a entrar na fila.

O livro

O filme mostra Mark Zuckerberg e amigos brincando com a rede de Harvard, coisa de nerd da computação mesmo, até que a brincadeira trás certa popularidade e alguns problemas com a instituição. Depois alguns alunos, enxergando o potencial do nerd, sugerem a criação de uma rede social interna. Mark modifica a idéia e cria o Facebook deixando os primitivos idealistas de lado. Dá para imaginar no que isso pode dar, principalmente depois que o Facebook começou a crescer rapidamente, e se tornou rentável.

Eu adorei o ritmo do filme, até do Justin Timberlake, que nunca tinha visto em filmes, gostei da interpretação. As coisas se passam rapidamente, principalmente pela forma como o filme foi editado, confunde um pouco no início, mas depois que alguns fatos começam a ser expostos nós entendemos as cartas do jogo.

Não sou de dar notas para os filmes aqui, mas se o fizesse esse seria nota 10, recomendo!

Anúncios
 
4 Comentários

Publicado por em 07/12/2010 em O que estou assistindo

 

Tags: ,

4 Respostas para “A Rede Social

  1. italo

    07/12/2010 at 12:03

    Depois de conhecer esta história estou mais convencido que se você roubar a idéia de alguém, a chance de ela dar certo e ser bem rentável financeiramente são grandes.

     
    • Edmilson

      07/12/2010 at 14:32

      sim, sim. vide Bill Gates e o próprio Mark.

      excelente filme mesmo.

       
  2. Ernesto

    07/12/2010 at 22:16

    Filmão mesmo. Acho que a ideia era fazer com que o pessoal não gostasse dele, mas acabei virando fan rsrs.
    Pra quem assistiu o filme estou sugerindo essa entrevista do Mark:
    Parte 1: http://bit.ly/ephUUL
    Parte 2: http://bit.ly/iaPBhV
    Na parte 2 ele comenta sobre o filme, o que eles fizeram certo (como as roupas dos personagens que eram iguais as dele na época) e o que eles fizeram errado (a história da namorada do filme é falsa, ele namora com a mesma menina desde antes de começar o facebook).

     
    • Simone

      08/12/2010 at 11:09

      Eu também virei fã do Mark, mas ainda não fiz uma conta no Facebook. De toda forma no filme, a gente acabava se afeiçoando um pouco ao Mark, por mais que ele tenha pegado a idéia dos caras, ele trabalhou bastante para fazê-la de uma forma diferente e que fosse uma coisa legal.

       

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: